Setembro Amarelo: porque conscientizar é prevenir

postado em: Notícias, Notícias de Destaque, Saúde | 0

Começa neste mês a campanha Setembro Amarelo, de prevenção e conscientização contra o suicídio. Por isso, a partir de hoje, o Sindicato vai publicar toda semana em suas mídias sociais informações sobre a campanha, como forma de chamar a atenção dos comerciários para esse problema, que chega em média a 12 mil casos por ano no Brasil e a mais de 1 milhão no mundo.

Setembro Amarelo

Para o presidente do Sindicato, Márcio Ayer, o tema merece uma atenção especial por parte dos comerciários. “Temos uma classe que trabalha sob pressão no dia a dia, com estresse, jornadas excessivas e cobrança para atingir metas, o que só piora a condição do ponto de vista da saúde mental dos trabalhadores”.

A campanha se propõe a promover eventos e debates sobre o tema, que para muitos ainda é um tabu, principalmente entre homens e jovens. De acordo com uma pesquisa divulgada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), uma pessoa comete suicídio a cada 40 segundos no mundo, e os casos já são a segunda principal causa de morte entre os jovens de 15 a 29 anos. Para piorar o cenário, somente 32 países adotam estratégias preventivas contra o suicídio, o que só comprova ainda mais o valor de uma campanha como o Setembro Amarelo.

Uma das principais causas do suicídio na população é a depressão. Segundo dados da Associação Brasileira de Psquiatria (ABP), a doença está por trás de 96,8% das mortes por suicídio. Os casos também ocorrem em função da chamada depressão no trabalho, o segundo maior motivo de afastamento dos trabalhadores.

Os casos de depressão no trabalho são provocados também por episódios de assédio moral e discriminação, principalmente contra mulheres. Uma pesquisa realizada pela Catho em 2020 mostrou que 43% das mulheres sofrem algum tipo de assédio ou discriminação no trabalho. Por isso é tão importante se manter atento aos sinais e, se for preciso, não ter medo de denunciar o agressor e procurar ajuda médica. O suicídio é uma ação permanente para um problema passageiro.

Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio

O mês de setembro foi o escolhido para a campanha em função do dia 10 ser o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio. A data foi criada em 2003, e desde então se tornou um marco na luta mundial contra o suicídio. A Associação Internacional para Prevenção ao Suicídio (IASP) colabora com a OMS para expandir ainda mais os eventos e palestras promovidos pela parceria, que desde 2011 já atuou em mais de 40 países.

Para a diretora de Saúde do Sindicato dos Comerciários, Danielle Moretti, o momento atual  propicia a tomada de cuidados ainda maiores. “A pandemia piorou ainda mais a situação dos trabalhadores, com incertezas sobre o futuro dos nossos empregos e muita sobrecarga no trabalho. Por isso, precisamos estar atentos e ajudar nossos colegas de trabalho”, afirma a diretora.

O Sindicato possui atendimento psicológico na sede do Centro (21-3266-4175), em Campo Grande (21-2413-4388) e Miguel Pereira (21-2484-2671). Tem ainda seus canais de denúncia que pode atender casos de assédio moral e discriminação no trabalho. Para fazer sua denúncia anônima para a central, entre em contato pelo www.secrj.org.br/denuncias ou pelo e-mail: denuncia@secrj.org.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − 9 =