Sindicato rejeita mais uma proposta dos patrões

postado em: Notícias, Notícias de Destaque | 0

O Sindicato realizou nesta terça-feira, dia 06 de julho, uma nova reunião com os patrões de lojas de shoppings e rua (Sindilojas) para avançar na pauta do reajuste salarial deste ano. Mais uma vez  foi enfatizado a importância da valorização dos comerciários.

O Sindicato patronal apresentou uma proposta de 2% de reajuste salarial para os trabalhadores. O Sindicato rejeitou totalmente a proposta apresentada por considerá-la injusta e covarde. O que, de certa maneira, acaba gerando uma culpabilização de quem nada tem a ver com a crise econômica: os trabalhadores. Para o Presidente do Sindicato, Márcio Ayer, os termos defendido pelo patronal são desfavoráveis para a categoria que aguarda pelo reajuste. “Nossa maior prioridade é o reajuste. Com essa proposta, querem jogar a crise no colo dos trabalhadores. O mínimo que os trabalhadores precisam é a reposição do valor da inflação.  Jogar na conta dos trabalhadores que a inflação está alta é covardia. Não vamos aceitar.”, afirmou ele.

O Sindicato vem reivindicando a recomposição salarial dos comerciários, como também a manutenção de todos os direitos e benefícios da Convenção Coletiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 19 =