Incêndio no Campeão mata trabalhadores

postado em: Notícias, Saúde, Sindicato | 0
Incêndio no Supermercado Campeão, no Jacaré, na segunda-feira Foto: Reprodução/Redes Sociais

 

NOTA DE PESAR

O Corpo de Bombeiros localizou duas pessoas carbonizadas no Supermercado Campeão, da Rede Unno, no Jacaré, na manhã desta terça-feira (12). A loja pegou fogo no fim da tarde de ontem e a empresa havia informado que não havia mortes no local. Os corpos agora seguem para o Instituto Médico Legal e vão passar por exames de DNA para que haja reconhecimento das famílias. Após suspeita, parentes do açougueiro e comerciário mais antigo do supermercado, José Alves da Silva, de 72 anos e de Natalino de Jesus, de 56 anos se encaminharam para o IML.

Nossa diretoria está acompanhando de perto as investigações e já abriu diálogo com a empresa para emissão da CAT – Comunicação de Acidente de Trabalho. Na próxima quinta-feira (14), estaremos nas dependências do Campeão para cobrar providências junto ao Recursos Humanos. Também colocamos à disposição das vítimas e familiares nosso Departamento Jurídico, para que preste atendimento gratuito e especializado.

Lamentavelmente, a morte dos comerciários do Campeão convoca trabalhadores para a luta por mais segurança e melhores condições de trabalho. Muitas das vezes, essas pautas são ignoradas pelos patrões nas mesas de negociação. Este ano, durante a campanha salarial, teremos mais uma oportunidade de mostrar aos empresários que a vida dos trabalhadores tem que ser valorizada e, sobretudo, preservada. Somos gente e merecemos dignidade!

Denúncia

Segurança é coisa séria. Denuncie irregularidades nos ambientes de trabalho. Preserve sua vida e evite acidentes. Acesse https://secrj.org.br/denuncias e preencha todos campos com cuidado. Informe apenas dados válidos, para que a gente possa entrar em contato para obter mais detalhes, caso seja necessário. Sem eles, não há garantia de que a sua denúncia será verificada.

Além disso, na hora de relatar o ocorre na sua empresa, coloque os detalhes, há quanto tempo isso acontece, se é com todos os funcionários, etc. Não se esqueça de anotar o número de protocolo, que será essencial para acompanhar o andamento da denúncia. As denúncias são anônimas. Sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo.

 

Márcio Ayer

Presidente do Sindicato dos Comerciários do Rio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + dez =