Brasil é um dos piores países para trabalhar, diz OIT

postado em: Notícias | 0
Montagem: CUT Nacional/ reprodução da internet

Por conta da reforma trabalhista de Temer, o Brasil passou a integrar a lista dos países que mais descumprem as normas internacionais do trabalho, divulgada pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) na última terça-feira (29/5). Há um ano, a OIT vinha condenando a reforma por entender que os trabalhadores nunca foram ouvidos e nem puderam opinar sobre suas propostas.

Para o órgão internacional, a reforma viola normas de proteção internacional que o país se comprometeu a seguir, especialmente a Convenção 98, que trata do direito à sindicalização e à negociação coletiva. O Brasil entrou na lista suja da OIT, ao lado de Haiti e Camboja, após denúncias feitas por sindicatos de que a reforma só piorou as relações de trabalho no país.

Em nota conjunta feita após a divulgação, as centrais sindicais brasileiras afirmaram esperar que o Governo reconheça a gravidade do erro cometido e faça a revogação imediata da reforma trabalhista. Até agora, o Ministério do Trabalho não se manifestou oficialmente sobre o assunto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 2 =