Sindicato dos Comerciários derrota mais uma vez o Sindsuper

postado em: Notícias | 0
Comerciários de várias cidades do Rio protestam contra o Sindisuper na porta do local onde o sindicato pirata faria sua assembleia. Foto: Rafael Rodrigues/ Comerciários

Mais de 350 trabalhadores no comércio do Grande Rio acordaram um pouco mais cedo nesta terça-feira (26/9) para se certificar de que não aconteceria a assembleia do Sindsuper. A entidade pirata teve sua carta sindical suspensa pelo ministro do Trabalho e também teve sua assembleia cancelada pela Justiça do Trabalho. Mesmo assim, os comerciários não quiseram ser surpreendidos por novas manobras. Por isso, foram à Zona Portuária, no local onde o Sindsuper pretendia dar mais um passo para ser reconhecido como representante dos funcionários de supermercados.

“Agora não tem mais dúvida. Não vão dividir nossa categoria. O Sindicato dos Comerciário é, de direito e de fato, o único legítimo representante dos trabalhadores de supermercados. Hoje mesmo vamos exigir das empresas o imediato reinício das negociações, que estavam interditadas pela falsa pretensão do Sindsuper”, avisa o presidente Márcio Ayer, que foi ao local acompanhado de toda a diretoria do Sindicato dos Comerciários do Rio.

Com o naufrágio dos piratas, o Sindicato vai retomar a Campanha Salarial no segmento. Os trabalhadores de supermercados aguardam desde maio pelo reajuste. “O Sindicato agora vai à luta com disposição redobrada. Queremos aumentos justos e nenhum direito a menos, além de medidas para proteger os comerciários dos efeitos da reforma trabalhista”, disse Márcio.

Leia também:

Ministro suspende o Sind$uper

CTB questiona ministro sobre carta sindical dada ao Sind$uper

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + seis =