Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Menu Menu

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Notícias

Sindicato dá o papo no Rio Sul

Foto: Rafael Rodrigues/ Comerciários

O presidente do Sindicato dos Comerciários do Rio, Márcio Ayer, e os diretores Marcelo Black e Josué Pereira conversaram com trabalhadores do shopping Rio Sul, na última quinta-feira (9/03), para colher sugestões para a próxima campanha salarial dos comerciários cariocas. Foi o primeiro encontro da série “Márcio Dá o Papo”, que nas próximas edições será dirigido aos comerciários (sindicalizados ou não) do Norte Shopping, Nova América, Barra Shopping e das regiões do Centro/ SAARA, Grande Méier, Madureira, Campo Grande e Miguel Pereira/ Paty do Alferes.

Márcio abriu o papo, realizado no refeitório do Sindicato no Rio Sul, informando que a Assembleia de lançamento da campanha salarial será em abril. Ele ressaltou, no entanto, que o processo começa agora nas rodas de conversa, fundamentais para construir a pauta de reivindicações que será negociada com os patrões. “A gente ouve os comerciários todo dia, nas lojas, no Sindicato, nas ruas e também nas redes sociais. Nas rodas de conversa, vamos aproveitar essa ‘escuta’ para confirmar quais pautas são prioritárias para a categoria na luta por melhores salários, mais direitos e mais respeito para trabalhar”, explicou o presidente.

Prioridades – Após a abertura, os comerciários se dividiram em grupos para escolher por quais direitos e benefícios o Sindicato deve focar seus esforços durante as negociações. Na sequência, as propostas escolhidas foram apresentadas ao conjunto dos presentes para uma última eleição. Entre as mais votadas ficaram o tíquete refeição diário, o plano de saúde e o fim do acúmulo de função, sendo essa última defendida como uma forma de enfrentar o desemprego no comércio.

O papo não parou por aí. Após a escolha das reivindicações prioritárias, os comerciários puderam tirar dúvidas, fazer consultas trabalhistas e utilizar outros serviços do Sindicato nos postos de atendimento montados pelo Departamento Jurídico, pelo Departamento Cultural e pelo Setor de Denúncias da entidade.

Orgânica – Animado com a conversa, o diretor Josué disse acreditar que as rodas vão tornar ainda mais próxima a relação dos comerciários com o Sindicato. “Nossa gestão dá muito valor à participação direta dos trabalhadores no processo de decisão. Vocês que estão mais interessados e vieram hoje aqui precisam nos ajudar a trazer mais gente para esse debate. Precisamos que muita gente participe e que tenhamos grandes assembleias, para demonstrar nossa força. Deu certo no ano passado, quando conquistamos aumento nos salários e vários outros avanços. Esse ano, com cenário de crise, vamos precisar redobrar a participação. Só assim teremos conquistas”, comentou o diretor.