Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Menu Menu

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Notícias

MP vai investigar práticas anti-sindicais da Via Varejo

Diretores em ação do Sindicato junto a trabalhadores da Via Varejo

Diretores em ação do Sindicato junto a trabalhadores da Via Varejo

Os diretores do Sindicato que também são funcionários da Via Varejo, dona das marcas Casa Bahia e Ponto Frio, foram ouvidos na última quarta-feira (28/10) pela Procuradoria do Trabalho da 1ª Região. A audiência foi realizada no âmbito de procedimento do Ministério Público do Trabalho que investiga supostas práticas anti-sindicais da empresa.

Os diretores Nelmo Nogueira, Daniele Moretti, Douglas de Freitas, Vinícius de Oliveira, Renato Bernardino e o coordenador jurídico do Sindicato, Carlos Henrique de Carvalho, foram ouvidos pela procuradora do Trabalho Lúcia de Fátima Gomes. Eles explicaram que a relação da Via Varejo com o Sindicato tem sido conflituosa na medida em que a empresa tem se recusado a negociar as reivindicações dos trabalhadores. A empresa estaria, inclusive, impedindo a entrada de representantes sindicais nas lojas para divulgar a atuação do Sindicato e buscar a sindicalização de novos associados, além de incentivar a oposição às contribuições sindicais.

“A Via Varejo busca intimidar seus funcionários. Eles ficam receosos de se aproximar quando vamos às lojas para ter um contato mais próximo com a categoria. Organizamos um abaixo-assinado para pedir a manutenção da cesta básica e o retorno ao antigo plano de saúde, duas reivindicações emergenciais dos empregados da empresa. Mais de mil funcionários assinaram, mas foi grande a dificuldade para colher as assinaturas. Alguns funcionários chegaram a ser veladamente ameaçados de demissão caso assinassem”, contou Douglas de Freitas, que também é vendedor do Ponto Frio. “Vamos buscar a Justiça sempre que necessário. O Sindicato não vai deixar barato esse tipo de prática das empresas”, acrescentou o diretor.