Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Menu Menu

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Notícias

Dia de pressão sobre os supermercados na Campanha Salarial

Campanha Salarial agitando o Supermarket de Maria da Graça. Foto: Dara Bandeira/Comerciários

A quinta-feira (8/6) foi marcada por mobilizações do Sindicato em grandes supermercados da cidade. A diretoria foi conversar com os trabalhadores sobre o andamento das negociações da Campanha Salarial e pressionar as empresas por um reajuste justo. Foram visitadas lojas nos bairros de Maria da Graça, Benfica, São Cristóvão, Tijuca, Madureira, Centro, Barra da Tijuca e Campo Grande. Em algumas, os comerciários chegaram a bloquear as entradas durante alguns instantes para protestar contra a intransigência das empresas nas negociações.

O Sindigêneros, sindicato patronal que representa os supermercados varejistas, hortifrutis e similares, ofereceu um reajuste 20% abaixo da inflação dos últimos 12 meses que antecede a data base. O Sindicato recusou a proposta pois ela representaria perda salarial para os trabalhadores. Já que o patrão pediu, a pressão vai se intensificar ainda mais nos próximos dias.

“Os patrões estão desacostumados a negociar porque foram 48 anos sem precisar se preocupar com Campanha Salarial, mas agora a realidade é outra. Não vamos assinar nenhum acordo com perdas para os comerciários. Queremos cláusulas sociais que melhorem a qualidade de vida do trabalhador e garantam um reajuste digno. Se para conseguir isso a gente precisar mobilizar e tornar pública a nossa luta, vamos fazer. O nosso compromisso é com o comerciário, que nos confia a responsabilidade de o representar. A mobilização só vai parar quando o reajuste chegar. A conta das famílias precisa fechar no fim do mês e não vamos medir esforços para que isso se torne realidade”, comentou o presidente do Sindicato, Márcio Ayer.

A vice-presidenta do Sindicato, Alexsandra Nogueira, aproveitou a oportunidade para tornar público outros abusos cometidos pelas empresas.  “É bom para os clientes também saberem que enquanto os patrões enchem o bolso, os açougueiros não têm um casaco adequado para suportar as temperaturas baixas das câmaras frias. Enquanto a gente vê os clientes empacotando compras, um serviço que deveria ser oferecido em todos os mercados, os empacotadores estão cumprindo outras tarefas, em desvio de função. Os bancos dos caixas muitas vezes estão quebrados, inadequados para o uso. O Sindicato vai fiscalizar, notificar e, se preciso for, vai multar o estabelecimento. A gente quer melhores salários e também mais dignidade para trabalhar”, contou a dirigente, que é empacotadora no Guanabara.

Próximas manifestações Durante a próxima semana, a mobilização vai continuar na porta de supermercados e lojas de rua em bairros estratégicos da cidade. Os comerciários que quiserem acompanhar o andamento das negociações, tirar dúvidas ou enviar sugestões podem entrar em contato pelo Whatsapp do Sindicato: (21) 96697-5260 ou pelo nosso Facebook (@comerciariosrj). Fique de olho nas próximas agendas do Sindicato e não se esqueça: Sem participação da categoria, não há vitória!

Pro Sindicato ter moral, tem que ter sócios! Faça já sua sindicalização: www.comercirariosrj.org.br/sindicalize

Diretores em dia de ação nos supermercados pela Campanha Salarial 2017. Foto: Dara Bandeira/Comerciários

 

Comerciários do Prezunic de Benfica receberam a visita de nossos diretores e assessores da luta. Foto: Dara Bandeira/Comerciários