Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Menu Menu

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Notícias

Campanha Salarial ganha força nas ruas

A cada dia mais comerciários apoiam as mobilizações da Campanha Salarial 2017, por mais salário, mais respeito e nenhum direito a menos! Nesta segunda-feira (5/6) a mobilização foi no calçadão de Campo Grande, um dos mais importantes pólos de comércio na Zona Oeste do Rio. Os diretores do Sindicato passaram o dia conversando com os funcionários das lojas e à noite, de microfone em punho, denunciaram os abusos dos patrões e chamaram os trabalhadores para a luta.

Assim como aconteceu durante os últimos dias nas atividades realizadas pelo Sindicato em Madureira, no SAARA e em importantes shoppings e supermercados da cidade, muitos trabalhadores se animaram a colocar mais pressão sobre os patrões.

“O Sindicato é a estrutura para a luta, mas a musculatura é do conjunto da categoria. As negociações com os patrões chegaram a um impasse. Só com muita participação e coragem seremos capazes de arrancar um reajuste de salário digno”, convocou a diretora sindical Daniele Moretti, que é moradora de Campo Grande e vendedora na Casas Bahia.

Impasse – Continuam as negociações com os patrões para a assinatura das Convenções Coletivas de Trabalho (CCTs) de 26 diferentes ramos do comércio no Rio, Miguel Pereira e Paty do Alferes. Após a apresentação da pauta de reivindicações definida pela categoria, os patrões tiveram até a cara de pau de oferecer um reajuste 20% abaixo da inflação dos últimos 12 meses, que ficou em 3,99%. As empresas também insistem num aumento do piso salarial muito abaixo do mínimo regional, que atualmente é de R$ 1.178 e que usamos como referência para a valorização dos comerciários que recebem menos.

O Sindicato não aceitou fechar acordo nesses termos. Para pressionar, já deu a real pros patrões: se não fizerem proposta decente, vamos aumentar a agitação de rua, além de não renovar as CCTs específicas de Banco de Horas. A Convenções de Banco de Horas para os supermercados (Sindigêneros) já está vencida desde 12/5. Confira a data de vencimento em outros segmentos: Sindilojas – 25/6/17; Sincojóias, Sindióptica, Sindimóveis e Simerj – 31/5/17; Sindifer – 14/1/18. Se liga, patrão!

Imagem: Rafael Rodrigues/ Comerciários

Mesas redondas – “A gente queria fazer uma Campanha rápida para que o aumento viesse logo, mas não aceitamos que o trabalhador tenha perdas salariais. Por isso, vamos seguir com as negociações e aumentar a pressão. Quando sair a Convenção, os trabalhadores vão receber o retroativo desde maio, mas não dá pra ficar acomodado. A participação de todos agora será decisiva para que tenhamos vitórias”, explicou o presidente do Sindicato, Márcio Ayer.

O Sindicato recorreu ainda à intermediação da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE) para buscar superar o impasse com os sindicatos patronais. Foram marcadas mesas redondas com o Sindigêneros (22/7), Fecomércio Varejista (4/7) e Sindilojas (4/7). Já solicitamos a antecipação dessas datas para abreviar ao máximo a negociação.

Participe e fique por dentro da Campanha pelo nosso Facebook e pelo Zap (21) 96697-5260, venha às reuniões e ações da campanha, espalhe pros colegas da firma e fique sócio do seu Sindicato (www.comercirariosrj.org.br/sindicalize). Sem participação não tem conquista!