Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Menu Menu

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro

Notícias

Avança a negociação com as Lojas Americanas

americanas2O Sindicato dos Comerciários realizou nesta quarta-feira (14) a segunda reunião da nova gestão com representantes da rede Lojas Americanas. Durante o encontro foi aprofundada a discussão sobre uma série de reivindicações apresentadas pelo Sindicato. Dentre elas está a revisão do valor do vale-refeição oferecido pela empresa aos seus funcionários, que há quase 20 anos está congelado em R$ 4,35.

Outra reivindicação diz respeito ao descarregamento dos caminhões com a utilização da mão de obra dos comerciários, o que caracteriza acúmulo de função. O Sindicato pede contrapartidas para os trabalhadores que cumprem esta tarefa, como um adicional de 30% sobre as horas trabalhadas no descarregamento.

“Faço isso todo dia. Geralmente, temos que descarregar dois caminhões por dia, mas agora no fim do ano o fluxo aumenta para três a cinco caminhões por dia. E esta função não está descrita em nosso contrato de trabalho”, queixou-se Darlana Morgana, que além de diretora do Sindicato é funcionária da Americanas.

“Não é o ideal. O certo seria que as próprias empresas que fazem o transporte fizessem também o descarregamento. Assim não seria necessário que o comerciário abandonasse suas funções para descarregar caminhão, mas como a empresa não apresenta alternativas queremos ao menos alguma contrapartida para os trabalhadores”, comentou o presidente Márcio Ayer.

Multas e resposta – Márcio Ayer ressaltou que enquanto esta e outras situações de desrespeito aos direitos trabalhistas não forem regularizadas pela Americanas, o Sindicato vai continuar fiscalizando e multando a empresa. No último Sete de Setembro, por exemplo, a Lojas Americanas teve várias lojas multadas por funcionar sem autorização do Sindicato.

De acordo com os representantes da Americanas, todas as reivindicações serão levadas à análise da diretoria da empresa. Eles prometeram resposta na próxima reunião com o Sindicato, agendada para a primeira semana de novembro.

Raio X – Lojas Americanas, também conhecida como Rede Americanas, é uma empresa brasileira do segmento de varejo fundada em 1929 na cidade de Niterói (RJ) pelo austríaco Max Landesmann e os estadunidenses John Lee, Glen Matson, James Marshall e Batson Borger. Atualmente a empresa conta com mais de 960 estabelecimentos de vendas em todo o Brasil. É a quarta maior empresa varejista do país, empregando 22 mil funcionários, cerca de 2 mil deles apenas no Rio.

Atualmente a empresa é controlada por três empresários: Jorge Paulo Lemann, Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira, o mesmo trio que comanda a Inbev (antiga AmBev), GP Investimentos, América Latina Logística e outros grupos. Recentemente, a Americanas anunciou a abertura de 160 lojas no Brasil nos próximos meses.